Anuncio

União Brasil só deve definir se apoiará Moro em abril

A nova sigla, resultado da fusão entre DEM e PSL, deve ser oficializada nos próximos meses e tem como prioridade montar palanques estaduais para disputar governos e vagas no Congresso

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Dirigentes do novo partido União Brasil, resultado da fusão entre DEM e PSL e que deve ser oficializado nos próximos meses, ainda não fecharam apoio à candidatura do ex-juiz Sérgio Moro (Podemos) a presidente. O apoio ou não, segundo eles, só deve ser definido em abril, após o encerramento da chamada janela partidária. A informação é da Folha.

A nova sigla tem como prioridade montar palanques estaduais para disputar governos e vagas no Congresso. O apoio a candidatos da chamada terceira via deve ocorrer conforme as pesquisas eleitorais forem se desenvolvendo e com a proximidade do pleito. O União Brasil será o partido com mais recursos e tempo de propaganda, portanto é alvo de disputa.

Em caso de aliança com Moro, a legenda deve pleitear o vice da chapa, para tal surgem nomes como o de Luciano Bivar (PSL-PE), atual presidente do PSL, e Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS), ex-ministro da Saúde do governo Bolsonaro.

Fonte: O Povo

 

Postar um comentário

0 Comentários