Anuncio

De volta ao jogo político (OPINIÃO)

Coluna de opinião: política de A a Z - Por Karol Matos

Imagens: Agência Caririensi

Surpresa ou não, os três vereadores afastados pela justiça para serem investigados por envolvimento no "jogo do bixo" estão de volta a câmara municipal de Juazeiro. Elogiado pela população por sua condução na presidência da casa, Darlan quer voltar a ser reconhecido como bom gestor pela população, e promete abrir sua vida para todos.
Capitão Vieira, em discurso emocionado agradeceu pela oportunidade de voltar, e já mostrou que estar lá e conhece o tão comentado e temido regimento interno.
Já Beto Primo, ainda tímido, quer ser presente, e se mostra atuante.

Acabou a paz de Glêdson?
Sem Darlan e Capitão na câmara, a oposição ecoava apenas com o vereador Janu, e suas incansáveis denúncias de corrupção contra a administração do prefeito. A postura do presidente, e do vice, é aguardada ansiosamente pela população. 
As fortes denuncias de manobras por parte de advogados da câmara municipal para articular e formar um novo grupo de vereadores é o assunto mais comentado dos bastidores da política juazeirense, a mudança da assessoria jurídica foi exigida por mais de quatro vereadores que se sentiram traídos e humilhados, por quem deveria prestar devida assessoria, e há quem diga que não pare por aí, pois traição não tem perdão...

Sonho de ser presidente da câmara, escorre nas mãos da vereadora Yanny Brena(PL)
Com projeto de alteração do regimento interno parado pela justiça, a candidata vê seu desejo cada vez mais distante, e agora quase impossível, com a volta do presidente Darlan, este, que promete cumprir o regimento interno a risca, Yanny Brena terá que explicar como tem várias assinaturas da vereadora Rosane Macêdo no projeto, se a vereadora disse em plenário que só assinou uma folha, uma única vez... E quem viver, verá!

Postar um comentário

0 Comentários