Anuncio

Acidentes na BR-116 deixam 22 mortos no Ceará no 1º semestre deste ano

Ao todo, foram registrados 357 acidentes na rodovia, destes, 89 graves.

Imagem: Reprodução/ G1

Os acidentes no trecho da rodovia BR-116 que corta o Ceará deixaram 22 pessoas mortas no primeiro semestre deste ano, segundo dados da Superintendência da Polícia Rodoviária Federal do Ceará (SPRF/CE), divulgados nesta quarta-feira (13), pelo Bom Dia Ceará, da TV Verdes Mares.
O número de óbitos no período de 1º de janeiro a 30 de junho é 21,5% menor que o registrado no mesmo período do ano passado, quando 28 pessoas perderam a vida em sinistros na rodovia federal que começa no Ceará e segue até o Sul do país.

Ao todo, nos primeiros seis meses deste ano foram registrados 357 acidentes na rodovia, destes, 89 graves. Já ano passado, foram 358 acidentes, sendo 88 graves. Já o número de feridos foi de 280 no primeiro semestre de 2021, para 315 este ano.
Os dados são de acidentes com registros de Boletins de Acidente de Trânsito na área de atuação da PRF/CE.
Principais acidentes
Entre os principais acidentes graves estão colisão traseira, colisão frontal e atropelamento de pedestres.
As principais causas, segundo a PRF, são ausência de reação do condutor, pista esburacada e manobra de mudança de faixa.

Ainda conforme o órgão, os dias com mais registros de acidentes graves foram os sábados, em primeiro lugar, e às sextas-feiras, em segundo lugar. Já o intervalo de horário com mais acidentes graves é de 18h às 18h59 (1º lugar) e 7h às 7h59 (2º lugar).

Reprodução: G1 Ceará

Postar um comentário

0 Comentários