Anuncio

Adelita, do Psol, retira candidatura para apoiar Elmano e concorrerá a deputada federal

Ela era a única mulher na disputa

Imagem: Reprodução/ Redes Sociais 

Adelita Monteiro, que era pré-candidata a governadora do Ceará pelo Psol, retirou-se da disputa e anunciou apoio a Elmano Freitas, do PT, a governador. Adelita concorrerá agora a deputada federal. Ela era a única mulher na disputa pelo Governo do Ceará, depois que Izolda Cela, atual governadora, perdeu a disputa interna no PDT e não concorrerá à reeleição.

A decisão foi aprovada pela direção estadual do Psol na noite desta quarta-feira, 3. Também foi retirada a candidatura de Paulo Anacé a senador, para apoiar o ex-governador Camilo Santana (PT). O Psol já havia definido apoio a Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para presidente.

"A pedido do presidente Lula, em diálogo com os movimentos sociais e lideranças partidárias, decidi aderir à unidade que reúne as esquerdas e partidos progressistas do Ceará", justificou Adelita, via assessoria. Ela disse que esteve com Lula em duas oportunidades — no último sábado, 30, em Fortaleza, e nesta terça-feira, 2, em Campina Grande, na Paraíba. "Em ambas as oportunidades, Lula reforçou a necessidade de unificar o palanque no Ceará e construir uma grande frente para as eleições", diz Adelita.

"Nesses encontros com ele, fui convencida de que minha contribuição na Câmara Federal é de suma importância para o projeto popular que o presidente Lula está construindo", disse, ao anunciar apoio a Lula, Camilo e Elmano.

Hoje minoria no partido, o grupo do deputado estadual Renato Roseno e do ex-deputado federal João Alfredo defendeu que o Psol mantivesse a candidatura própria de Anacé a senador, mas foi derrotada na votação. Candidato a governador em 2014 e 2018 e hoje postulante a deputado federal, Ailton Lopes, lamentou a retirada das candidaturas, em particular a aliança envolvendo o MDB de Eunício Oliveira.

"Ao irem além do apoio a Elmano, retirando a pré-candidatura ao governo, decidiram ainda por participar da coligação com o MDB de Eunicio. Com isso, impuseram a retirada de nossa pré-candidatura ao Senado."

O Psol integra federação com a Rede Sustentabilidade, e os dois partidos necessariamente seguirão o mesmo caminho eleitoral.

Reprodução: O Povo

Postar um comentário

0 Comentários